Comandos

Ao usar os comandos, você diz à tartaruga ou ao KTurtle para fazer algo. Alguns comandos precisam de dados introduzidos, enquanto outros trazem resultados. Nesta seção iremos explicar todos os comandos incorporados que podem ser usados no KTurtle. Em alternativa, usando o aprenda, poderá criar os seus próprios comandos. Os comandos incorporados ficam realçados em azul escuro.

Movendo a tartaruga

Existem vários comandos para mover a tartaruga pela tela.

parafrente (pf)
parafrente X

O parafrente move a tartaruga para a frente X pontos. Quando o traço está em baixo, a tartaruga irá deixar um rastro. O parafrente pode ser abreviado para pf

paratrás (pt)
paratrás X

O paratrás move a tartaruga para trás X pontos. Quando o traço está em baixo, a tartaruga irá deixar um rastro. O paratrás pode ser abreviado para pt.

paraesquerda (pe)
paraesquerda X

O paraesquerda diz à tartaruga para se virar X graus para a esquerda. O paraesquerda pode ser abreviado para pe.

paradireita (pd)
paradireita X

O paradireita diz à tartaruga para se virar X graus para a direita. O paradireita pode ser abreviado para pd.

direção (dir)
direção X

A direção configura a direção da tartaruga para um ângulo de X graus a contar do zero, e isto não é relativo à direção anterior da tartaruga. A direção pode ser abreviado para dir.

lerdireção
lerdireção

O lerdireção retorna a direção da tartaruga para um ângulo de X graus a contar do zero, onde zero é a direção quando a tartaruga está apontando para frente.

centralize
centralize

O centralize move a tartaruga para o centro da área de desenho.

vápara
vápara X,Y

O vápara manda a tartaruga ir para um determinado local da área de desenho. Este local está a X pontos do lado esquerdo da área de desenho e a Y pontos do topo da área de desenho.

váparax
váparax X

Ao usar o comando váparax, a tartaruga irá mover-se X pontos a partir da esquerda da área de desenho, mantendo-se na mesma altura. O váparax pode ser abreviado como vx.

váparay
váparay Y

Ao usar o comando váparay, a tartaruga irá mover-se Y pontos a partir do topo da área de desenho, mantendo-se na mesma distância do lado esquerdo da área de desenho. O váparay pode ser abreviado como vy.

Nota

Ao usar os comandos vápara, váparax, váparay e centralize a tartaruga não irá desenhar uma linha, não importa se usado com usenada ou uselápis.

Onde está a tartaruga?

Existem dois comandos que devolvem a posição da tartaruga na tela.

pegax

pegax devolve o número em pontos a partir da esquerda da área de desenho até a posição atual da tartaruga.

pegay

pegay devolve o número em pontos a partir do topo da área de desenho até a posição atual da tartaruga.

A tartaruga tem um traço

A tartaruga tem um traço e vai desenhando uma linha à medida que a tartaruga se move. Existem alguns comandos para controlar o traço. Nesta seção iremos explicar estes comandos.

usenada (un)
usenada

O usenada levanta o traço da área de desenho. Quando o traço está em cima, não é desenhada nenhuma linha à medida que a tartaruga se move. Veja também o uselápis. O usenada pode ser abreviado para un.

uselápis (ul)
uselápis

O uselápis pressiona o traço para baixo na área de desenho. Quando o traço está em baixo, é desenhada uma linha à medida que a tartaruga se move. Veja também o usenada. O uselápis pode ser abreviado para ul.

larguradolápis (ll)
larguradolápis X

A larguradolápis configura a espessura do traço para X pontos. A larguradolápis pode ser abreviado para ll.

cordolápis (cl)
cordolápis R,G,B

A cordolápis configura a cor do traço. A cordolápis recebe uma combinação de RGB como parâmetro. A cordolápis pode ser abreviado para cl.

Comandos para controlar a área de desenho

Existem vários comandos para controlar a área de desenho.

tamanhodatela (tt)
tamanhodatela X,Y

Com o comando tamanhodatela você poderá alterar o tamanho da área de desenho. Ele recebe dois parâmetros (X e Y) de entrada, em que o X é a nova largura da área de desenho em pontos, e o Y é a nova altura da mesma área em pontos. O tamanhodatela pode ser abreviado para tt.

cordofundor (cf)
cordofundo R,G,B

A cordofundo define a cor da área de desenho. A cordofundor recebe uma combinação RGB como parâmetro. A cordofundo pode ser abreviado para cf.

Comandos para limpar

Existem dois comandos para limpar a área de desenho, depois de você ter deixado tudo bagunçado.

limpetela (lt)
limpetela

Com o limpetela, você poderá limpar todos os desenhos da área de desenho. Todo o resto permanece igual: a posição e o ângulo da tartaruga, a cor da área de trabalho, a visibilidade da tartaruga e o tamanho da área de desenho.

apague
apague

O apague limpa tudo de forma mais abrangente que o comando limpetela. Depois de um comando apague, tudo fica como estava quando você iniciou o KTurtle. A tartaruga é posicionada no meio do tela, a cor da área de desenho é branca e a tartaruga irá desenhar uma linha preta na área de desenho e o tamanho da tela é definido para 400 x 400 pontos.

A tartaruga é uma imagem móvel

Muitas pessoas não sabem o que são as imagens móveis ('sprites' em inglês), daí uma breve explicação: as imagens móveis são pequenas imagens que podem percorrer a tela (para mais informações, veja o glossário sobre as imagens móveis).

A seguir você irá encontrar uma apresentação completa de todos os comandos que lidam com imagens móveis.

[A versão atual do KTurtle não suporta ainda o uso de imagens móveis além da tartaruga. Nas versões futuras, você poderá mudar a tartaruga para outra coisa que desejar]

apareça (ap)
apareça

O apareça torna a tartaruga visível de novo depois de ter ficado escondida. O apareça pode ser abreviado para ap.

desapareça (da)
desapareça

O desapareça esconde a tartaruga. Isto pode ser usado se a tartaruga não couber no seu desenho. O desapareça pode ser abreviado para da.

A tartaruga sabe escrever?

A resposta é: sim. A tartaruga sabe escrever e pode escrever tudo o que lhe disser para escrever.

mostre
mostre X

O comando mostre é usado para dizer à tartaruga para escrever algo na área de desenho. O mostre recebe números e texto como parâmetros. Você poderá executar o mostre para vários parâmetros com o sinal +. Veja aqui um pequeno exemplo:

$ano = 2003
$autor = "Cies Breijs"
mostre $autor + " iniciou o projeto do KTurtle em " + $ano + " e ainda continua gostando de trabalhar nele!"

tamanhodafonte
tamanhodafonte X

O tamanhodafonte configura o tamanho da letra que é usado pelo mostre. O tamanhodafonte recebe um parâmetro que deverá ser um número. O tamanho é definido em pontos.

Comandos matemáticos

Os seguintes comandos são as instruções matemáticas mais avançadas do KTurtle.

arredonda
arredonda(x)

O arredonda arredonda o número indicado ao inteiro mais próximo.

mostre arredonda 10.8
parafrente 20
mostre arredonda 10.3
parafrente 20

Com este código, a tartaruga iria apresentar os números 11 e 10.

aleatório (al)
aleatório X,Y

O aleatório é um comando que recebe parâmetros e devolve resultados. Como parâmetros são necessários dois números, onde o primeiro define o resultado mínimo (X) e o segundo o máximo (Y). O resultado é um número escolhido aleatoriamente que é maior ou igual ao mínimo e menor ou igual ao máximo. Aqui está um pequeno exemplo:

repita 500 {
  $x = aleatório 1,20
  parafrente $x
  paraesquerda 10 - $x
}

Com o comando aleatório, você poderá adicionar um pouco de confusão ao seu programa.

resto
resto X,Y

O comando resto retorna o resto da divisão do primeiro número pelo segundo.

raizquadrada
raizquadrada X

O comando raizquadrada é usado para descobrir a raiz quadrada de um número X.

pi
pi

Este comando devolve a constante Pi, 3,14159....

seno, cosseno, tangente

seno X
cosseno X
tangente X

Estes três comandos representam as conhecidas funções trigonométricas seno, cosseno e tangente. O argumento de entrada destes comandos, X, deve ser a medida de um ângulo em graus.

arcsin, arccos, arctan

arcoseno X
arcocosseno X
arcotangente X

Estes comandos são as funções inversas do seno, cosseno e tangente. O argumento de entrada destes comandos, X, é um número.

Entrada de dados e reação através de janelas

Um diálogo é uma pequena janela que fornece algum retorno ou pergunta por alguma entrada. O KTurtle tem dois comandos para diálogos, chamadosmensagem e o perguntar

mensagem
mensagem X

O comando mensagem recebe uma cadeia de caracteres como entrada. Exibe então uma janela que contém o texto da cadeia de caracteres.

mensagem "Cies iniciou o projeto do KTurtle em 2003 e ainda continua gostando de trabalhar nele!"

perguntar
perguntar X

O perguntar recebe uma cadeia de caracteres como entrada. Ele mostra o texto da cadeia de caracteres em uma janela (de maneira similar ao mensagem), mostrando também um campo de entrada de texto. Após o usuário inserir um número ou uma cadeia de caracteres nesta caixa, o resultado poderá ser guardado numa variável ou passado como argumento a um comando. Por exemplo

$entrada = perguntar "Qual o ano do seu nascimento?"
$saida = 2003 - $entrada
mostre "Em 2003, você tinha " + $saida + " anos em determinado momento."

Quando um usuário cancelar a janela ou não inserir nada, a variável fica vazia.